:: O olhar que não se rende..Miguel Chikaoka | Fotógrafo e Educador | Belém - PA

Enquanto a colheita da parcela maior de benefícios advindos de inovações tecnológicas estiver alinhada a favor de corporações que ditam o modelo e o ritmo desenfreado de desenvolvimento, em detrimento de milhões de pessoas alijadas de seus direitos fundamentais, ações como o Projeto Lata Mágica são vitais para criar zonas de resistência contra a destruição dos referenciais de identidade individual e coletiva.

Basta um pouco de atenção para percebermos que a compulsão ao consumo massivo do ganho tecnológico que assistimos é induzida para gerar o lucro fácil, causando prejuízos incalculáveis para a humanidade, como a destruição desses referenciais e a degradação do meio ambiente.

Mais do que desmistificar o aparato e facilitar o entendimento do processo fotográfico, é na prática solidária de aguçar a curiosidade e encorajar o exercício da cidadania que reside a importância do Projeto Lata Mágica. É nessas práticas que podemos descobrir a riqueza de uma abordagem multidisciplinar inerente ao processo de aprendizado do fazer fotográfico e as inúmeras possibilidades de desdobramentos. A descoberta da matéria luminosa e suas possibilidades é a essência que não podemos descartar, pois ela é a fonte inspiradora para o exercício de construção do conhecimento do que pode vir a ser o fazer fotográfico para cada um. O re-conhecimento coletivo dessa fonte sugere um re-olhar para a luz e para o mundo que nos rodeia através de uma abordagem universal e a oportunidade para o exercício de construção e expressão de um pensamento crítico capaz de gerar e disseminar uma consciência cidadã planetária.

Que o Projeto Lata Mágica, junto com outras tantas ações e projetos desenvolvidos nos quatro cantos do mundo, continue investindo na inteligência e sensibilidade humanas numa perspectiva de ampliar as “zonas de esperança” no planeta.

sobe

:: Projeto Lata Mágica ...............................................................Grupo Lata Mágica

Este catálogo é o resultado de oficinas de fotografia pinhole realizadas nos bairros Partenon, Lomba do Pinheiro, Restinga e Ipanema em Porto Alegre. O Projeto Lata Mágica desenvolveu essas quatro oficinas com a realização, ao final de cada edição, de uma exposição na própria comunidade e a reunião geral dos trabalhos em uma exposição final. Esse livro de fotografias, portanto, apresenta os bairros escolhidos para as oficinas e outros pontos encontrados no percurso dos alunos, retratados em um cruzamento de olhares sobre diversos lugares. O grupo de fotógrafos Lata Mágica desenvolve projetos com a técnica fotográfica pinhole desde 1999, ministrando oficinas e pesquisando essa linguagem. Em 2003, o grupo divulgou a técnica para o grande público através do projeto O Olhar Passageiro que fixou uma fotografia pinhole, em forma de adesivo, na janela de cada ônibus da frota metropolitana de Porto Alegre.

A técnica pinhole consiste na utilização de câmeras sem lentes que, pelo princípio da câmara escura, possibilitam a obtenção de imagens de uma maneira bastante simplificada. A técnica, traduzida para o português como buraco de alfinete, permite que se construa, a partir de qualquer recipiente vedado da entrada da luz, uma câmera fotográfica, regulando a passagem dessa luz através de um pequeno orifício feito com uma agulha. A imagem exterior ao recipiente será projetada no seu interior de cabeça para baixo e invertida horizontalmente (direita – esquerda). Esse é o princípio ótico fundamental de todas as câmeras fotográficas, portanto construir e fotografar utilizando essa técnica são processos simples em que não é necessário o domínio de nenhuma “máquina” extraordinária. No lugar de grandes parafernálias tecnológicas e um infindável número de botões, somente uma lata de tinta com o interior forrado de preto, um minúsculo furo em um de seus lados e uma fita isolante funcionando como obturador. Uma das possibilidades das oficinas de pinhole é oferecer a oportunidade de experimentar um outro olhar, a possibilidade de olhar a própria cidade sob um ponto de vista diferente, através das fotografias que são produzidas nas latas de tinta transformadas em câmera.

A fotografia, neste projeto, deve ser vista como uma maneira do aluno/fotógrafo se inscrever na cidade e inscrever a própria cidade nesse sujeito a partir da reflexão sobre o quê e como fotografar. Uma fotografia está impregnada do olhar, de um sentido elaborado por aquele que a produziu na construção de conhecimento sobre o assunto fotografado. Os alunos, na produção de imagens da cidade, significam as fotografias produzidas enquanto imagens mentais que irão conformar a circularidade de olhares sobre a cidade e a constituição da própria memória coletiva dos habitantes de Porto Alegre.

sobe

:: Ficha técnica

OFICINEIROS | Grupo Lata Mágica - Guilherme Galarraga, Maisa Del Frari,
......................................................Paula Biazus e Rafael Johann

PRODUÇÃO EXECUTIVA | Rafael Johann

PRODUÇÃO CULTURAL | Paula Biazus

WEBDESIGN | Carlos Tiburski

EXPOSIÇÃO FINAL | Centro Municipal de Cultura, de 24/05 a 23/06/2006

CONTATO | http://www.latamagica.art.br - latamagica@hotmail.com

AGRADECIMENTOS | Neuza Maria de Oliveira Barcelos, Aline Roza, Tharcus Aguilar Alves, equipes
................................ do HPSP, do CPCA, do Comitê Resistência Popular, da Escola Odila Gay
............................... . ... ..........da Fonseca e Bar Templário; Ronald Godoy, Daniel Mateus e equipe
............................................... da Coordenação de Artes Plásticas – SMC; Miguel Chikaoka,
............................................... Mário Bitt-Monteiro, Suzana Dulce, Leandro Sparrenberger,
............................................... Milton Berwian (Alemão), Elena Quintana, Roberto C. Alves da Silva,
............................................... Faira Beck, Suzana e Suzete Johann, Ana Paula Godoy Walsh
............................................... e Marialva M. Weber. E todos aqueles que acreditam que a Lata é Mágica!

FINANCIAMENTO | Fumproarte e Secretaria Municipal de Cultura

sobe


Copyright © 2006 - Projeto Lata Mágica - Todos os direitos reservados | design ctiburski